EXPRESSE-SE E SEJA LIVRE

Nosso pescoço e garganta, onde localiza-se o chacra laríngeo e a glândula tireóide, são fascinantes porque a maior parte das “coisas” acontece ali.

O pescoço representa a capacidade de ser flexível no pensamento, ver o outro lado da questão e entender o ponto de vista de outros. Quando há problemas no pescoço, em geral, estamos sendo teimosos em nosso conceito sobre uma situação e teimamos em não ver o outro lado.

A garganta representa nossa capacidade de falar em favor de nós mesmos, expressar e pedir o que queremos de dizer “Eu Sou”. Quando temos dificuldades de expormos nossas idéias às pessoas de nosso cotidiano, ou de falarmos em público, em geral significa que não nos sentimos no direito de expressarmos quem nós somos e o que temos em nosso interior para oferecer, que não estamos confiantes o bastante para defendermos as nossas idéias e nós mesmos, o que pode se manifestar em dificuldades de relacionamento e fisicamente em problemas de garganta.

A garganta inflamada é em geral é sinal de raiva ou de estar se sentindo enfraquecido com relação a resolução de alguma situação que o está contrariando, quando há também resfriado, existe confusão mental junto com ela. A laringite, normalmente, significa a não expressão do estado de braveza que não consegue expressar.

A garganta também representa o fluxo criativo do corpo e da alma, é nela que expressamos a nossa criatividade. Quando a manifestação da criatividade está sufocada ou frustrada, temos problemas de interação e fisicamente de garganta.

O que ocorre da mesma forma, àquelas pessoas que vivem só para os outros, nunca fazendo o que realmente querem, que sempre agem tentando agradar os pais, cônjuge, chefes, a sociedade.

Amigdalite ou distúrbios da tireóide, refletem a criatividade frustrada, por não poder fazer o que se quer.

O centro energético da garganta, o quinto chacra, é o lugar do corpo onde ocorrem as mudanças. Quando estamos resistindo a elas, ou tentando mudar, temos muita atividade na garganta.

O exemplo, é quando estamos participando de algum trabalho de renovação, como cursos holísticos, vivências espirituais, meditação. Sempre há alguém que tosse em um determinado momento, em que está sendo trabalhado o processo de mudança, ou dito algo a respeito, trata-se de resistência ou teimosia, ou o processo de mudança está em andamento.

Uma das chaves para a descoberta dos Mistérios do Universo está no som, na verbalização, na capacidade de expresar-se e impor força e energia criadora nas palavras, pois o som pode criar a matéria e também pode alterá-la.

Existem palavras antigas, a maioria esquecida, que eram usadas pelos magos do passado, que com alto poder magístico de treinada força mental, ao verbalizarem eram capazes de realizar grandes feitos, capazes de abrir os portais de cura da alma da pessoa e a ajudarem a relembrarem suas próprias capacidade de auto-cura.

Hoje com a chegada da Nova Era com os conhecimentos e fortes energias que os Mestres Ascencionados estão nos trazendo, o Propósito é que retomemos esse nosso conhecimento e capacidades para atuarmos diretamente na cura do Planeta Terra.

EXERCÍCIO:

  • Conecte com o seu Eu interior, respire profundamente, encha o abdomem de ar, solte lentamente pela boca (3x) e relaxe.
  • Agora verbalize o som AUM, estendendo-o até onde alcançar, respire, segure a respiração e enquanto isso, observe a vibração que esse som causa em seu ser.
  • Nesse instante toda a sua constituição está recebendo a vibração do som da Própria Criação.
  • Você pode fazer isso, colocando uma intenção de libertação, desbloqueio de doenças, vícios ou sentimentos, também pode enviá-lo especificamente para uma parte de seu corpo que você deseja modificar uma vibração de doença, impregnando com uma vibração de saúde e Perfeição Divina, ou até mesmo intencionar enviar para uma outra pessoa que esteja necessitando.
  • Repita tanto quanto puder durante o dia.
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.