SACERDOTISA: O QUE É?

No primeiro curso de Alquimia da Chama Verde Esmeralda, do Arcanjo Rafael e Mãe Maria, especificamente, as alquimistas foram reconhecidas ordenadas Sacerdotisas do 5º Raio Verde da Verdade e da Cura, diretamente pelo Mestre Hilárion, Chohan da Chama Verde, bem como Sacerdotisas nos demais raios da Grande Fraternidade Branca, os quais já se iniciaram.

Passando por um lindo resgate de almas, em conexão direta com suas origens magísticas dos antigos templos iniciáticos, marcando assim uma nova etapa neste momento de suas caminhadas evolutivas, em razão do somatório a tudo que elas já vem realizando em suas caminhadas espirituais, em colaboração aos propósitos da Grande Fraternidade Branca, no projeto do Mestre Saint Germain e de toda a Hierarquia Espiritual para a cura do Planeta Terra.

Mas o que significa ser Sacerdotisa? Do latim Sacerdos – sagrado; e otis – representante, portando “representante do sagrado”. Sacerdotisa é aquela desde a antiguidade, é conhecida coma aquela que se coloca como intermediária entre os Poderes do Infinito (o Pai) e o Homem (o Filho).

A que se coloca entre o elemento masculino do processo da Criação, e o Ser criado. A que ouve a voz da Lua, das Estrelas, do Ar, das Águas, da Terra, de todo o Cosmo e a transmite ao mundo.

Assim, a Sacerdotisa é também a Mulher e a Mãe, a que ouve o lamento dos homens, e levanta os braços em direção aos Céus, intercedendo pelos que a cercam, dando-se a si mesma. A que escuta a voz do Filho, e intercede por ele junto ao Pai.

É deste conceito perene da Verdade Superior que se originou a figura de Maria.

É a antena captando e transmitindo aos demais imagens e sons que já pré-existem em outras esferas, mas que estão além dos sentidos do homem comum.

É o elo entre o Infinito e a humanidade. A Sacerdotisa é a misericórdia, nascida de todas as aflições e de todos os temores humanos. Ela é, enfim, a Mulher – Maria, Eva, Lillith, Ma’at, Isis, Astarte, Hécate, Vênus, Hera, Selene, Diana , Durga, Gaya.

E é o coração e a força de Aleph (Divinamente projetado para nos ensinar alguma coisa). É estar inteiramente conectada com o Sagrado Feminino, para o bem da coletividade. Sacerdotisa é aquela com pequenos gestos, mesmo despretensiosamente, tem o poder de mudar o destino do Universo.

Uma posição que não deve ser encarada como um título e sim mais um degrau na escala da evolução que exige ainda mais responsabilidades e vigilância.

A Sacerdotisa é o ventre e o útero de todas as coisas.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.